Acessando os pinos GPIO do Raspberry Pi

O Raspberry Pi disponibiliza uma série de pinos GPIO para uso geral. Através destes pinos, podemos aplicar uma determinada tensão e também detectar quando uma tensão for aplicada sobre certo pino.

O Raspberry Pi B rev 2, que é a versão que vamos utilizar como base, possui 26 pinos de entrada e saída. Abaixo segue um diagrama informando os pinos que o Raspberry Pi B rev 2 disponibiliza:

raspberry_pi_model_b_rev2_pinout

Para começar a trabalhar com os pinos GPIO, primeiramente precisamos inicializá-los. Para isto, em seu Raspberry Pi digite o seguinte comando (vamos supor que você esteja utilizando o Raspbian Wheezy):

sudo echo 27 > /sys/class/gpio/export

Onde 27 é o número do pino que está sendo inicializado. No exemplo acima, estou inicializando o GPIO27. Após isto, será criado o diretório /sys/class/gpio/gpio27. Este diretório possui dois arquivos importantes: direction e value.

Através do arquivo direction, vamos definir como nosso pino irá se comportar.  Os valores possíveis basicamente são: in e out.

Quando o valor in for utilizado, estamos dizendo que esperamos receber uma tensão (geralmente 3.3v) naquele pino. Assim, quando uma tensão for aplicada sobre aquele pino, o seu arquivo value terá o valor 1. Quando não houver tensão aplicada sobre o pino, o conteúdo do seu arquivo value será 0.

Já quando o conteúdo do arquivo direction for out, o Raspberry Pi irá aplicar uma determinada tensão no pino desejado. Assim, quando o conteúdo do arquivo value do pino possuir o valor 1, o pino estará ligado, ou seja, existirá uma tensão saindo dele. Quando o conteúdo do arquivo value for 0, o pino não possuirá tensão.

No nosso exemplo, vamos configurar o arquivo direction para out, pois queremos aplicar uma tensão ao pino selecionado. Para isto, vamos executar o comando abaixo:

sudo echo "out" > /sys/class/gpio/gpio27/direction

Com o pino devidamente configurado, vamos ligá-lo:

sudo echo 1 > /sys/class/gpio/gpio27/value

Agora, se medir com o multímetro, haverá uma tensão no GPIO27. Na foto abaixo, demonstrei utilizando um led.

image

Para remover a tensão do pino, basta executar:

sudo echo 0 > /sys/class/gpio/gpio27/value

Após utilizar o pino, podemos desativá-lo, através do comando:

sudo echo 27 > /sys/class/gpio/unexport

Mais documentações você encontra no site oficial http://raspberrypi.org.

Até a próxima 😉

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.